Foi a notícia do dia durante a V Conferência Internacional do Plano Nacional de Leitura, que decorre hoje e amanhã na Fundação Calouste Gulbenkian (FCG), em Lisboa. Na sessão de abertura, Eduardo Marçal Grilo anunciou que o serviço educativo da FCG, vai, em conjunto com a Biblioteca de Arte da referida fundação, estudar o papel que os ebooks vão desempenhar no futuro do livro e da leitura. Segundo Marçal Grilo, administrador da fundação, o estudo, intitulado «Novas ferramentas de leitura» e com um orçamento de 200 000 euros, deverá estar concluído dentro de dois anos. Trata-se de uma iniciativa semelhante ao if:book, Institute for the Future of the Book e ao Territorio ebook da Fundación Germán Sánchez Ruipérez.

About these ads