Apresentado na Feira do Livro de Frankfurt deste ano, o Txtr Beagle tem como principais argumentos a leveza (128 g) e o preço (10 euros), mas apresenta algumas limitações se comparado com os tradicionais e-readers. Sem cabos, cartões ou wi-fi, apenas permite o armazenamento de cinco livros de cada vez, que são transferidos para o e-reader por Bluetooth. Aliás, o aparelho foi concebido para funcionar em parceria com um smartphone, pois não reproduz ficheiros ePub nem pdf, mas imagens dos ebooks que são convertidas por uma aplicação do smartphone e depois transferidas para o e-reader (pelo que não é provável que funções como o aumento do tamanho do texto ou a pesquisa de palavras estejam disponíveis).
Prevê-se que o Txtr Beagle venha a ser comercializado pelas companhias de telemóveis como acessório de um smartphone, mas não nos parece que esta seja a solução que verdadeiramente democratizará a leitura digital.
Aqui ficam o vídeo de promoção e um “hands on”.

About these ads