Um estudo intitulado «Global Digital Communication: Texting, Social Networking Popular Worldwide», realizado pelo Pew Research Center em 21 países do mundo e abrangendo níveis económicos e socioculturais muitos distintos, demonstrou que a posse de um telemóvel se  tornou um fenómeno global e que a sua utilização vai muito para lá da simples realização de chamadas telefónicas, com um claro predomínio do envio de mensagens escritas.

Com efeito, como se pode ver pelo gráfico acima, em média, 85% da população dos países analisados possui telemóvel (máximo de 96% em Espanha e mínimo de 48% no Paquistão), 3 em cada 4 utilizadores usa o telemóvel para enviar mensagens escritas e aproximadamente 1 quarto acede à internet.

No acesso à Internet, predomina a utilização das redes sociais, embora aqui sejam mais marcantes as diferenças entre países desenvolvidos e países em desenvolvimento. Estranhamente, neste item o Japão integra o grupo dos países tecnologicamente menos desenvolvidos, com apenas 25% dos japoneses a acederem às redes sociais através do telemóvel. Curioso também o caso da Rússia, onde praticamente todos os utilizadores que têm internet no telemóvel acedem às redes sociais, e, no sentido inverso, o da França

O estudo, que pode ser lido na íntegra aqui (30 p., pdf), chega também à conclusão de que são os jovens e com maior nível de escolaridade quem mais acede às redes sociais.