amazonTal como tem sido amplamente debatido, os ebooks que adquirimos na Amazon e noutras lojas similares não são efetivamente nossos, apenas possuímos uma espécie de licença para a sua utilização. Entre outros inconvenientes, esta situação impede, por exemplo, que possamos revender o ebook depois de lido, tal como podemos fazer com um livro em papel. Contudo, de acordo com o que é hoje divulgado pelo Publishers Weekly, a Amazon tem uma patente que permitirá ao utilizador revender o ebook que anteriormente adquiriu, numa espécie de mercado em segunda mão da própria Amazon. Evidentemente, a venda é feita apenas através da própria Amazon e certamente nos termos por ela definidos.

O facto de a Amazon ter registado a patente, não significa que o sistema venha a ser disponibilizado ao público, mas poderá ser um primeiro para uma maior atenção aos direitos dos leitores.