Um estudo da NetNames, divulgado pela BBC, revela que os alunos do ensino superior são os maiores utilizadores de ebooks pirateados.

O estudo teve por base o Reino Unido e analisou os 10 títulos académicos mais populares em cinco áreas: Medicina, Matemática, Ciência, Engenharia e Economia. Deste total de 50 ebooks, 76% estavam disponíveis para download gratuito na sua forma pirateada, com uma média de 17 exemplares por cada título.

netnames

De acordo com a NetNames, a principal causa para este fenómeno poderá ser o preço escessivo dos ebooks (sobretudo os ebooks académicos).Evidentemente, os resultados deste estudo não podem ser extrapolados para outras áreas dos livros digitais e são apenas a confirmação de um fenómeno já bastante conhecido e debatidos no universo dos livros em papel (e das correspondentes fotocópias).

Imagem BBC