As melhores apps gratuitas para leitura de banda desenhada

1 Comentário


Tal como os livros, também a banda desenhada rapidamente se adaptou aos novos meios de consumo de média, e nos últimos anos têm proliferado as aplicações destinadas à leitura de BD. Aqui ficam algumas das melhores, entre as gratuitas, para Android, iOS e Windows.

Chunky

175x175-75

iOS


Perfect Viewer

unnamed-5

Android


Comics by Comixology

unnamed

Android

iOS


ComicRack

unnamed-4

Android

iOS (versão para iOS custa 7,99€)

Windows


Comics Plus

unnamed-1

Android

iOS


Cover

apps-35176-9007199266251874-9d5dee00-68e7-465b-aa74-653a041d1729

Windows


Madefire

unnamed-3

Android

iOS

Windows


Dark Horse Comics

unnamed-2

Android

iOS

PDF dinâmicos com LiquidText

Deixe um comentário


liquidLiquidText é uma aplicação para iPad que transforma documentos estáticos – como texto em PDF – numa aplicação dinâmica que permite adicionar comentários e anotações, extrair excertos, comparar diferentes partes do texto e trabalhar no documento colaborativamente.
Permite importar documentos da Dropbox e de outros serviços de armazenamento na nuvem ou de uma página web.
A grande vantagem da aplicação em relação a outras aplicações de anotação de PDF é a facilidade com que se gere o acesso ao documento original e a relação imediata imediata dos excertos com o todo, opção bem interessante do ponto de vista pedagógico.
Com lançamento previsto para antes do verão, é no entanto possível solicitar já acesso a uma versão beta e experimentar a aplicação através do TestFlight num iPad.

Tudo muda com o iPad?

Deixe um comentário


ipadA Apple lançou recentemente uma nova campanha publicitária sobre o iPad, procurando decerto contrariar o abrandamento que nos últimos tempos tem registado nas vendas do seu tablet. A campanha tem como mote «Everything changes with iPad» (tudo muda com o iPad) e foca-se na diversidade de utilizações que o tablet oferece, desde a aprendizagem às viagens, passando pelos pequenos negócios e a culinária.

A verdade é que os tablets – conceito introduzido pelo iPad – transformaram significativamente a forma de utilizador aceder e produzir informação para a rede, podendo dizer-se que tiveram um impacto semelhante aos dos PC nos anos 80 do século passado. E o abrandamento das vendas do iPad ficará a dever-se, não a um esgotamento do conceito, mas ao aparecimento de outras marcas de qualidade no mercado de tablets e sobretudo ao facto de, a partir do iPad 2, as novidades dos novos modelos lançados não serem muito significativas.

Tablet Kindle Fire para crianças

Deixe um comentário


18914-111A Amazon vai lançar ainda esta semana um tablet para crianças, uma versão para os mais pequenos do seu popular Kindle Fire. O Goodereader analisou-o e fez este vídeo que mostra as suas principais características. A grande novidade é a colorida capa protetora que o torna «à prova de crianças»

Novo Samsung Galaxy Tab S chega a 11 de julho

Deixe um comentário


galaxy

A Samsung apresentou hoje a nova versão do seu popular tablet, o Galaxy Tab S.  Disponível em dois tamanhos (10,5” e 8,4”) os tablets da Smasung são bastante leves  (465 g e 294 g) e finos (6,6mm), o que os torna mais finos e leves que os seus principais concorrentes iPads Air e Mini.

Além disso disso, o Galaxy apresenta uma excelente qualidade de imagem graças ao seu ecrã WQXGA (2560×1600, 16:10) Super AMOLED, dispondo de uma câmara traseira de 8 megapixels e outra frontal de 2 megapixels. O armazenamento interno será de 32 ou 64 GB (é possível usar um microSD de até 128 GB para expansão).

O novo Samsung Galaxy Tab S chega às lojas portuguesas a 11 de julho.

Leitura de ebooks em tablets: Kindle Fire domina

Deixe um comentário


BN-CD704_201403_G_20140331093051

Desde o seu aparecimento, que os tablets são muito usados em atividades de leitura, seja a leitura de email, de notícias, de redes sociais ou de ebooks. Relativamente a esta última categoria, o Kindle Fire destaca-se da concorrência. De acordo com um estudo da Statista para o para The Wall Street Journal, o tablet da Amazon é usado por mais de dois terços dos utilizadores para leitura de ebooks, muito à frente dos seus concorrentes diretos iPad e Galaxy.

A explicação para este facto deverá residir no facto de o Kindle Fire ser comercializado por aquela que á a maior livraria online do mundo.

Ministério da Educação do Brasil vai usar tecnologia da Amazon para distribuir ebooks

1 Comentário


amazonbrAmazon anunciou ontem que a sua tecnologia Whispercast foi escolhida pelo Ministério da Educação brasileiro para distribuição gratuita de mais de 200 livros didáticos de disciplinas variadas. De acordo com a Reuters, o termo de cooperação entre a Amazon e o o governo brasileiro tem vigência até fevereiro de 2015. O diretor-geral Amazon brasileira, Alex Szapiro, afirma que esta iniciativa tem como objetivo popularizar o uso de seu aplicativo e “fomentar o hábito de leitura em dispositivos digitais” no Brasil.

Lembramos que o Ministério da Educação do Brasil adquiriu, em 2012,  382 mil tablets para o ensino público, que poderão agora ser potencializados com esta distribuição de conteúdos.

Com o aplicativo gratuito, os professores podem, por exemplo, realizar anotações e usar o dicionário diretamente nos livros didáticos. Embora a tecnologia Whispercast utilize o formato Kindle, compatível com os equipamentos da Amazon, ela também está disponível para PC e tablets com sistema operativo Android e iOS.

 

Older Entries